• Porto Velho

    domingo 19 de setembro de 2021

Três profissionais são punidos após investigação da vacinação irregular de Safadão e Thyane

No dia da vacinação do casal, seguidores questionaram a aplicação em Thyane Dantas


GCMAIS

Publicada em: 14/09/2021 17:45:33 - Atualizado


BRASIL - Três profissionais foram apontados por “irregularidade funcional” no resultado do processo administrativo de apuração no caso da vacinação da influenciadora digital, Thyane Dantas, esposa do cantor Wesley Safadão. A informação foi divulgada pela Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza (SMS) no Diário Oficial do Município nº 17.137, de 6 de setembro de 2021. O trio foi afastado imediatamente da aplicação da vacinação na Capital cearense.

Segundo a SMS, foi constatada a ocorrência por parte de dois funcionários terceirizados, que foram devolvidos à empresa contratante, e uma servidora do município de Fortaleza, que responderá a um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD).

“Os fatos apurados foram encaminhados aos órgãos ministeriais e policiais para a apuração de possíveis práticas em desacordo com o Código Penal Brasileiro”, diz um trecho da nota.

Relembre o caso da vacinação de Wesley Safadão e Thyane Dantas

No último dia 8 de julho deste ano, usuários das redes sociais questionaram a vacinação de Thyane, pois não encontraram o nome da influenciadora na lista. “A Thyane Dantas é de 91 e nem tava na lista de agendados. Por que ela pode tomar vacina e eu não?”, questionou um dos internautas.

No mesmo dia, a SMS informou que instaurou processo administrativo para averiguar a aplicação da vacina contra a Covid-19 em Thyane Dantas. Em sua defesa, a esposa de Safadão afirmou que tomou a vacina Janssen porque a dose estava disponível devido à “sangria”, o que foi desmentido pela própria SMS.

No dia seguinte, em 9 de julho, o Ministério Público do Ceará informou que Thyane Dantas virou alvo de uma investigação do órgão por possível caso de fura-fila na vacinação.

Diante das polêmicas no entorno da vacinação contra covid-19 de Wesley Safadão e Thyane Dantas, o casal prestou esclarecimentos à Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza.

No último dia 13 de julho, a titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Fortaleza falou sobre o suposto caso de fura-fila na vacinação de Thyane Dantas, esposa de Wesley Safadão. Segundo ela, o ocorrido gerou indignação em todos os trabalhadores da pasta e houve um comprometimento em apurar os fatos rigorosamente.

Leia nota da SMS na íntegra

“A Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza (SMS) divulgou dos procedimentos realizados por colaboradores públicos municipais durante a aplicação da vacina contra a Covid-19 em uma influenciadora digital, no dia 8 de julho de 2021, na Capital.

Foi constatada a ocorrência de irregularidade funcional por parte de três colaboradores, sendo uma servidora pública, que terá um Procedimento Administrativo Disciplinar – PAD instaurado, e dois terceirizados, que foram devolvidos para a empresa contratante.

Os fatos apurados foram encaminhados aos órgãos ministeriais e policiais para a apuração de possíveis práticas em desacordo com o Código Penal Brasileiro”.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br