• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sábado 20 de julho de 2024

O Dia na História - Compilação do jornalista Lúcio Albuquerque


Lúcio Albuquerque

Publicada em: 05/07/2024 09:02:13 - Atualizado

1942 – O evento principal comemorativo ao 9º ano da administração brasileira da EFMM, dia 10, será no auditório do grupo escolar “Barão de Solimões”, com uma peça teatral, tendo autor, roteiro e atores da escola.

1951 – 1) Reaberta, com palestra do médico e cientista Ary Pinheiro, a biblioteca pública “Raimundo de Moraes. 2) O prefeito Floriano Riva autoriza abertura de mercearias às 5 da manhã.

1956 – Assume a Comarca de Porto Velho o juiz José Quaresma de Moura, de Guajará-Mirim – na época era comum o juiz atender às duas comarcas.

1981 – A Caerd quer CR$ 400 milhões para levar água aos moradores “além Kennedy” – hoje Avenida Governador Jorge Teixeira.

1984 – Liderada pelo senador John Wikhan, chega a Porto Velho uma comitiva de Barbados, para conhecer a colônia daquele país, cujos nacionais vieram construir a Madeira Mamoré.

1988 – A deputada Odaísa Fernandes está satisfeita com o nível de adesão ao seu novo partido, o PSDB, que deve ter candidatos a prefeito em vários municípios.

2011 - A presidente Dilma Roussef assina em Porto Velho o PEC onde a União assume uma parcela considerável da folha de pagamento dos servidores do Estado.

HOJE É

Dia Mundial da Capoeira. Dia Internacional do Biquini. Dia da Gastronomia Mineira

Católicos celebram Santo Antônio Maria Zacarias,

BRASIL

1914 – O aviador Eduardo Chaves (1877/1975), realiza o 1º voo solo Rio/S. Paulo (4h50).

1922 — Acontece o Levante dos 18 do Forte de Copacabana, a 1ª revolta do movimento tenentista.

MUNDO

1687 — Publicado o livro Princípios Matemáticos de Filosofia Natural, de Isaac Newton. 1950 — O Knesset (Poder Legislativo de Israel) aprova a Lei do Retorno, dando a todos os judeus o direito de imigrar para o país. 2003 — A OMS anuncia: o surto de SARS foi contido

FOTO DO DIA

FAZENDO FALTA (IV)

Cearense, ex-militar, professor, historiador, jornalista, analista político, escritor, pesquisador, radialista, Francisco Matias (FOTO), internado durante 65 dias sucumbiu ao covid em 2021.

Um dos fundadores do portal “Gente de Opinião”, autor de “Pioneiros – Ocupação Humana e Política de Rondônia”, “Síntese da Formação Histórica de Rondônia”, coautor de “A Trajetória da Advocacia de Rondônia”, dentre outros.

Graduado em Geografia e pós-graduado em História da Amazônia, Matias liderava o instituto de pesquisas mais respeitado do Estado, o “Seção Norte”. Foi apresentador de televisão e exerceu vários cargos públicos.

Palestrante, inclusive em eventos com participação de delegações de outros estados, fazia aulas-shows e sempre era disponível para atender professores e estudantes, em história ou geografia regional.

Um professor que sem deixar de lado o conteúdo, suas aulas eram conversas amistosas. Era membro da Academia Rondoniense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Rondônia.


Fale conosco