• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sexta-feira 21 de junho de 2024

Complexo da Estrada de Ferro Madeira Mamoré será reaberto para a população no dia 30 de abril

Durante os três primeiros meses de abertura do Complexo, a Prefeitura de Porto Velho fará a administração do local em conjunto com a empresa vencedora da concessão


SMC

Publicada em: 24/04/2024 09:05:39 - Atualizado

PORTO VELHO-RO: A primeira etapa de abertura do Complexo da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré foi definida para o dia 30 de abril. Para resgatar a história e a estrutura do Complexo, que é considerado o marco zero da capital, cerca de R$ 30 milhões foram investidos, provenientes de compensação ambiental da hidrelétrica de Santo Antônio e de recursos próprios do município.

Durante a obra, todo o espaço de 114.000 metros quadrados foi revitalizado, incluindo os três galpões da ferrovia. O primeiro deles abriga um museu cujo acervo que conta a história da EFMM, já os outros espaços são destinados a restaurantes, quiosques, e possuem mezanino com vista para o rio Madeira.

O local também recebeu a reconstrução do deck de madeira, pista de caminhada, área verde e estacionamento para mais de 200 carros. Toda a obra foi supervisionada e seguiu as orientações do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

LINHA DO TEMPO DA REVITALIZAÇÃO

Em outubro de 2018, a Prefeitura de Porto Velho oficializou a ordem de serviço para a revitalização do Complexo, durante cerimônia realizada com diversas autoridades e órgãos públicos. Em dezembro de 2021, o local foi temporariamente aberto para recepcionar a decoração natalina da programação “Natal Luz”, e recebeu uma árvore de Natal de 30 metros, pontos de luz, enfeites e túnel iluminado.

Em abril de 2022, com as obras do complexo em fase final, a Prefeitura lançou o primeiro edital de licitação em busca de uma empresa para adquirir a concessão do local. Passados os 60 dias da publicação do primeiro edital, já com a revitalização do Complexo finalizada em 2022, mas sem a manifestação de empresas interessadas, a Prefeitura de Porto Velho divulgou uma nova versão do edital, em busca de atrair interessados. O documento teve mudanças na adequação no valor, na forma de pagamento e no prazo de concessão.

A Prefeitura de Porto Velho divulgou, em outubro de 2022, a terceira chamada de licitação do Complexo da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, em busca de atrair empresas para concorrer à concessão.

Em janeiro de 2023, a Prefeitura de Porto Velho divulgou o resultado final do processo de licitação para concessão do Complexo da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré. A empresa vencedora foi a Amazon Fort Soluções Ambientais e Serviços de Engenharia Ltda.

Após a assinatura do contrato de concessão, em março de 2023, a Prefeitura de Porto Velho entregou as chaves do Complexo à Amazon Fort em julho do mesmo ano.

REABERTURA

Durante os três primeiros meses de abertura do Complexo, a Prefeitura de Porto Velho fará a administração do local em conjunto com a empresa vencedora do contrato de concessão, a Amazon Fort. A Secretaria Municipal de Indústria, Turismo e Trabalho (Semdestur) ficará responsável pela gestão do museu, organizando a programação de visitas, o credenciamento e a capacitação de guias turísticos que apresentarão o espaço para a população.

Projetos de incentivo e valorização da cultura também serão realizados no local, com programações de entretenimento, apresentações culturais e artísticas promovidas pela Fundação Cultural de Porto Velho. Após o período de 90 dias, a empresa assume a operação total do local.



Fale conosco